fbpx

Cortina Blackout ou Cortina separada do Blackout?

Muitas dúvidas aparecem quando se fala em escolher a cortina ideal para sua casa, ainda mais quando o blackout entra em cena. Isso porque ele traz diversos benefícios e pode ser uma peça crucial para uma boa decoração e, consequentemente, bem-estar. Aqui trazemos os diferentes tipos de cortina blackout e seus pontos positivos e negativos para você fazer a escolha certa!

Vamos lá?!

Diferentes modelos de blackout

O blackout é um material que pode ser adicionado ao tecido da cortina ou atrás dela, com a finalidade de diminuir a intensidade da luz em um ambiente. No primeiro caso, a cortina fica mais grossa e apresenta maior durabilidade; e no segundo, permite uma decoração mais sofisticada e dinâmica, podendo ser trocada com mais frequência.

Ambas as formas impedem que a luz entre no ambiente e que o calor não seja predominante, ficando retido do lado de fora do blackout. Isso é fundamental para criar um clima mais aconchegante em cômodos como quartos e salas.

Além das diferentes maneiras de aplicação do blackout, existem muitos tipos, como PVC, popeline comum, americano e Twill. Cada um tem características diferentes que contribuem para determinados aspectos. Por exemplo, o PVC é mais fácil de limpar e capaz de bloquear melhor a luminosidade do que os outros, o que configura um bom investimento.

Cortina blackout

Vantagens

A cortina blackout — aquela em que o material é integrado no tecido — apresenta muitas vantagens quando se fala em praticidade. A limpeza da cortina varia de acordo com o material escolhido, então, se você optar por tecido, basta limpar com uma escova e detergente neutro ou sabão de coco, e colocá-la para secar à sombra.

Já as cortinas de PVC ou poliéster têm mais facilidade: use um pano molhado com detergente neutro e passe-o por toda a cortina; por fim, passe um pano com álcool para melhor higienização. Prático, não é mesmo?

Além da facilidade na limpeza, a cortina blackout é ideal para os quartos, pois mantém o ambiente escuro, e é mais econômica!

Desvantagens

Embora apresente praticidade, o blackout deixa o ambiente muito escuro, impossibilitando a entrada de luz natural. Se você pretende manter uma meia-luz no ambiente, com a cortina blackout não será possível.

Ainda, para bloquear a entrada de luz, a medida da cortina precisa ser feita com precisão para que nenhum feixe de luz entre. Isso acaba refletindo em pouco caimento e leveza, além de formar gomos irregulares, o que diminui a sofisticação e a elegância que uma cortina deve trazer para decoração.

Cortina separada do blackout

Vantagens

Ao contrário da cortina blackout, a separada apresenta um ótimo caimento do tecido e gomos uniformes, embelezando e harmonizando o ambiente. É possível fechar somente a cortina e deixar a claridade entrar e, quando quiser deixar o espaço escuro, basta fechar o blackout.

Por ter essa facilidade, a cortina separada do blackout oferece mais privacidade e economia de energia, afinal, você pode optar pela luz natural durante o dia e ainda preservar sua vida pessoal, criando um clima de aconchego.

Desvantagens

Por se tratar de dois materiais diferentes, a instalação da cortina separada precisa de mais recursos do que a cortina blackout. Isso acarreta, também, um preço mais elevado. Portanto, pense com clareza e faça um bom planejamento!

Lembre-se de que a escolha da cortina blackout interfere diretamente na decoração da sua casa. Seguindo essas dicas, você com certeza vai optar pela mais adequada! Tenha em mente os prós e contras e avalie o que fica melhor em sua casa.

Agora que você já sabe como escolher sua cortina, siga nossas redes sociais! Lá postamos conteúdos exclusivos para tirar todas as suas dúvidas!

Deixe seu comentário

Solicite seu orçamento

Ou entre em contato pelo Whatsapp 97048-0029

Solicite seu orçamento

Ou entre em contato pelo Whatsapp 97048-0029